Equipe do PETI

Equipe do PETI

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

IDOSOS RECEBEM CESTAS NATALINAS










os idosos cadastrados no Núcleo de Apoio ao Idoso receberam como brinde de natal uma recheada cesta natalina contendo: caixa de chocolate, panetone, chocolate em pó, açucar, arroz, massa para lazanha, milho verde, ervilha, katchup, maionese, creme de leite e leite condensado; a entrega realizou-se na sede do Núcleo de Apoio ao Idoso no momento esteve presente, fazendo a entrega e levando uma linda mensagem de Natal e ano novo, a prefeita Goreti Silveira, o secretário Laete Oliveira, o coordenador Edivar Mendes, os vereadores: Arnaldo costa e Paulo teleço e a secretária da mulher Itamara sena. A idosa cledina ao recitar uma poesia de sua autoria, em nome de todos os idosos, fez uma linda homenagem a todos que promovem a atual politica de assistencia ao idoso.

NÚCLEO DE APOIO AO IDOSO ATENDE IDOSOS EVANGÉLICOS











Idosos evangélicos são atendidos pela política de assistencia social do Núcleo de Apoio ao Idoso, a luta por incluir os evangélicos na política de assistencia social do municipio, começou através de Laete Oliveira quando secretário da agricultura, na ocasião incluiu os mesmos no programa do peixe do qual ainda são beneficiário; Porem na atual gestão em que Laete é secretário de assistencia social e Edivar mendes coordenador do núcleo de Apoio ao Idoso e ambos tem o interesse comum em incluir os idosos evagélicos nos trabalhos desenvolvidos a bem dos idosos, e ainda contam com o total apoio da prefeita Goreti Silveira, esse objetivo está tendo um grande avanço; em 2009, idosos evangélicos ja foram assistidos em alguns dos trabalhos realizados, 2010 foi ampliada essa inclusão e, o objetivo para 2011 é desenvolver atividades voltadas para atender esse público, no entanto segunda feira 27/12/10 foi servido no Núcleo de Apoio ao Idoso, um grande jantar de confraternização natalina para idosos evangélicos e quarta feira, 29/12/10 foram entregues cestas natalinas para os mesmos, na ocasião esteve presente o sec. Laete, o coord. Edivar, a presid, e o vice da equipe social da igreja, Sebastiana e Girnaldo e um grande número de jovens da terceira idade, no momento foi feito oração e exaltado o nome do senhor Jesus. foi uma tarde de muita emoção, agradecimentos e pedidos de bençãos para 2011.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

MEGA AÇÃO SOCIAL É REALIZADA EM LAGOA RASA


















O Núcleo de Apoio ao Idoso em parceria com O PETI- PROGRAMA DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL- com o apoio da prefeitura e da Secretaria de assisténcia e desenvolvimento social, promoveram, nesta quinta feira- 23/12/2010, uma grande ação de cidadania na comunidade rural de Lagoa Rasa, durante todo o dia a equipe do PETI e uma equipe de profissionais, orientados pela Coordenadora Aristeia Benigna, atenderam populares das comunidades rurais: Lagoa Rasa, Santa Rosa, Sororoca, Bamburral, Bela Vista, Agua Fria, Melancias e outros; com serviços de manicury, corte e escova para cabelo, confecção de carteira de identidade, carteira do idoso, registro de nascimento e; assisténcia a saude: aplicação fluor, testes de trigricerideos, glicose, e verificação da pressão arterial. Apartir das 16:00 hrs, sob a organização do Coordenador Edivar Mendes com toda equipe do núcleo do idoso, os idosos da cidade e os da zona rural, ao som da banda de chico de Elvira fizeram uma grande festa juntos com pessoas de outras faixa etaria, numa grande demonstração de harmonia digna de confraternização natalina e de boas vindas a o ano vindouro, dessa forma foi relizado mais um intercâmbio rural, que é uma atividade que foi iniciada esse ano, 2010, pelo Núcleo de Apoio ao Idoso, com o objetivo de tirar os idosos da ociosidade levando para um encontro mensal a uma localidade rural, o objetivo está sendo alcançado, a cada mes a participação de idosos aumenta com a inclusão de pessoas idosas de uma localidade para outra tornando esse projeto cada vez mais em uma grande promoção de interatividade entre nossos centros comunitarios. A Festa realizou-se na quadra de Evandilsom, foi feito sorteio de cestas Natalinas para pessoas da comunidade rural, tambem foi servido um jantar para todos presentes. o secretario Laete Oliveira gerenciou todo o evento e foi muito elogiado por populares das diversas comunidades participantes.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Mais de 500 jovens da terceira idade participam de confraternização natalina em Apodi

idosos lotaram o dance da sede do núcleo de apoio ao idoso.


prefeita gorete recepcionada com carinho pelos idosos
A Cantora gospel Neuma, fez orações e cantou hinos em louvor a cristotambem esteve presente a educadora física dos idosos jane meire acompanhada com seu esposo prof° neto romão

Idosos em momento de descontração no carteado
sec. de gabinete: klinger levou sua mensagem
Banda Chico de Elvira, o melhor forró pé de serra da região
sec. Laete Oliveira abraça idosos durante sua mensagem
Coordenador Edivar Mendes falou da importancia do Natal e agradeceu a prefeita Goreti, ao sec. Laete e aos Idosos pela realização festa





APODI – O enceramento das atividades do ano de 2010 do Núcleo do Idoso de Apodi foi marcado pela realização de uma tarde de convívio e um jantar natalino, oferecido para 500 jovens da terceira idade no salão do Centro Social do Idoso da cidade.
Organizada pela Prefeitura do Apodi via Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, Núcleo e Apoio ao Idoso, a festa foi considerada um sucesso e proporcionou aos jovens da terceira idade momentos de alegria e divertimento.
A festa foi prestigiada pela prefeita de Apodi, professora, Goreti Silveira Pinto, vereador Nilson Fernandes, secretario de administração e Recursos Humanos, Junior Souza, Assistência e Desenvolvimento Social, Antônio Laete Oliveira, Mulher e Igualdade Racial, Itamara Sena, Obras, Moesio Fernandes, Gabinete Civil, Klinger Péricles Pinto Diniz, e varias outras autoridades do município.
O coordenador do Núcleo do Idoso de Apodi, Edvar Mendes, ficou emocionado com o sucesso do evento que envolveu idosos de todo o território apodiense.
Durante a programação os idosos participaram do tradicional forro e ainda receberam brindes e cestas básicas, oferecidos pela Prefeitura do Apodi.
A prefeita, Goreti Silveira Pinto, destacou a importância do Programa de Apoio ao Idoso que vem garantindo varias ações voltadas para a melhoria da qualidade de vida dos idosos. “È muito bom participar de uma festa como essa, foram vocês que com o suor e trabalho dedicaram sua vida à comunidade apodiense, a formação dos filhos e a preservarem os valores e tradições da nossa terra. Nossa administração se sente muito orgulhosa em ter 500 jovens da terceira idade como parceiros”, finalizou a prefeita desejando Feliz natal e um 2011 de muita paz e saúde a todos.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Moradores da Chapada do Apodi serão atendidos pelo Programa “Promovendo Cidadania”


APODI – Os moradores do Distrito Rural de Soledade na Chapada do Apodi vão participar neste sábado de um dia de “Ação e Cidadania”, promovido pela Prefeitura do Apodi através da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social e o Centro de Referência da Assistência Social Rural de Soledade–CRAS. A Ação será realizada na E. M Francisco Targino da Costa.

Dentre as varias ações que serão executadas estão os Serviços de Atendimento do Bolsa Família, Peti, Projovem, Creas e Idoso e outros direcionados para moradores de outras comunidades rurais que ficam localidades em torno do Distrito de Soledade.

Serão oferecidos serviços de estética e embelezamento pelos profissionais formados pelos cursos realizados pela Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social nos anos de 2009/10.

Segundo o coordenador do Cras Rural de Soledade, Marcilio Reginaldo, os serviços desenvolvidos nos CRAS têm por objetivo prevenir a ocorrência de situações de vulnerabilidade e riscos sociais nos territórios, por meio do desenvolvimento de potencialidades e aquisições, do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários e da ampliação do acesso aos direitos de cidadania.

“Ação terá também atendimentos com a expedição da Cédula de Identidade para os integrantes do Programa Bolsa Família; Carteira do Idoso; Carteira do usuário do CRAS; inscrição do Projovem 2011 e inscrições do Curso de Informática. Alem de Palestras sobre todos os Programas Sociais do Município”, comentou Marcílio Reginaldo.

Durante a ação “Promovendo Cidadania”, A prefeita de Apodi, professora, Goreti Silveira Pinto, estará inaugurando e oficializando o CRAS Rural do Distrito de Soledade que passará a atender e referenciar 3.500 famílias da Região da Chapada do Apodi e Inaugurando e Centro de Inclusão Digital na Sede CRAS, que esta localizado na Rua da Cajarana, 218 no centro da comunidade. Como também participando das festividades natalinas realizadas pelos grupos de convivência do CRAS. Os grupos são: mulheres dona da própria vida e Mulheres da 3ª idade, Gestante Feliz e o grupo de jovens e adolescentes. Que estarão apresentando o Alto do Natal e Canções natalinas.

O projeto “Promovendo Cidadania”, conta com o apoio de vários parceiros como o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), com distribuição de mudas de Plantas nativas e frutíferas; Secretaria da Saúde com Exames de Prevenção, glicose capilar; Higiene Bucal; Secretaria de Educação; Secretaria da Mulher e da Igualdade Racial, Comissão Municipal do Selo UNICEF e vários outros parceiros.


ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
(84) 9622:1119

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Começou ontem o III Encontro Internacional contra o Trabalho Infantil


Começou ontem o III Encontro Internacional contra o Trabalho Infantil

O Encontro Internacional contra o Trabalho Infantil, organizado pela Fundação Telefônica com o tema "Redes e inovação para a prevenção e erradicação do trabalho infantil", chega a sua terceira edição como um dos fóruns de maior impacto e participação entre as iniciativas que abordam este problema na América Latina. O encontro presencial, em que participarão especialistas internacionais das áreas de trabalho infantil e de novas tecnologias de informação, foi aberto ontem, dia 03 de novembro, pelo vice-presidente da Colômbia, Angelino Garzón, e pelo vice-presidente executivo da Fundação Telefônica, Javier Nadal, na biblioteca Julio Maria Santo Domingo, em Bogotá.

São esperados 800 participantes, entre integrantes de organismos internacionais, governos, empresas, organizações não-governamentais, acadêmicos e público em geral. Além da abertura, o primeiro dia de trabalhos terá também uma conferência sobre a situação do trabalho infantil na atualidade e a exposição de práticas de sucesso utilizadas para combatê-lo. O debate central contará, entre outros, com a participação de Michael Shifter, presidente do Inter-American Dialogue (EUA), e de Isa de Oliveira, secretária executiva do Fórum Nacional para a Prevenção e Eliminação do Trabalho Infantil (Brasil). Além disso, serão realizadas seis mesas paralelas em que serão discutidas experiências educacionais, políticas públicas e de abordagens inovadoras na luta contra este problema.

O segundo dia de trabalho começará com a palestra de Rahaf Harfoush, especialista em mídias sociais que coordenou a comunicação online da campanha eleitoral de Barack Obama. Ela falará sobre os papéis das redes sociais e as inovações necessárias para o cumprimento dos Objetivos do Milênio e das metas da recente Conferência Mundial sobre Trabalho Infantil, realizada em Haya. Logo após, serão formadas seis mesas-redondas com a participação de representantes de empresas, organizações governamentais, organismos internacionais e educadores que explicarão suas experiências práticas na luta contra o trabalho infantil.

Trabalho em rede
O evento presencial será uma continuação do encontro virtual, que vem sendo realizado desde 1º de setembro em ambiente online. Mais de seis mil pessoas estão participando das mesas-redondas, bate-papos e videochats promovidos via web, cujas principais conclusões serão temas de análise durante o evento presencial. O objetivo de ambos é reforçar uma rede internacional de pessoas e organizações para a troca de experiências, criação de compromissos e vínculos sustentáveis com o fim de transformar a sociedade.

As edições anteriores do Encontro aconteceram em Quito (Equador) em 2006, com a participação de 600 pessoas, e em Lima (Peru) em 2008, com 700 participantes. Esta terceira edição conta com o apoio da OIT (Organização Internacional do Trabalho) e da UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância), além de com patrocínio do PREAL (Programa de Promoção da Reforma Educativa na América Latina) e da prefeitura de Bogotá.

Pró-Menino na luta contra o trabalho infantil
Segundo cifras da OIT, cerca de 215 milhões de crianças e adolescentes em todo o mundo trabalham. Destes, 14 milhões o fazem na América Latina, de acordo com o último informe apresentado na Conferência Mundial de Haya pela OIT, UNICEF e Banco Mundial.

O Programa Pró-Menino, da Fundação Telefônica, foi criado há 10 anos e sua missão é contribuir para a erradicação do trabalho infantil na América Latina, por meio de uma educação sustentável e de qualidade. O programa, que se constitui na principal iniciativa desenvolvida no âmbito do setor privado para lutar contra este problema, está alinhado aos Objetivos do Milênio, que propõe a erradicação das piores formas de trabalho infantil até 2015, e de todo trabalho infantil antes de 2020.

Em agosto de 2010, o Pró-Menino atendeu diretamente a 184.372 crianças e adolescentes da América Latina. Seus pilares básicos são as 108 ONG de reconhecido prestígio internacional com as quais trabalha diretamente e que mobilizam mais de 5.000 trabalhadores sociais de alta qualificação e especialização. No Brasil, mais de 10 mil crianças e adolescentes participam de projetos de combate ao trabalho infantil por meio do Pró-Menino.

Para mais informações sobre o encontro presencial e o virtual acesse: http://www.fundacion.telefonica.com/pronino/encuentrotrabajoinfantil/

Fonte: Fundação Telefônica

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Apodi realizará o 1º FORUM COMUNITARIO DO SELO UNICEF-MUNICIPIO APROVADO



DIA 29 DE SETEMBRO DE 2010
LOCAL: CENTRO DO IDOSO. RUA ANTONIO LOPES FILHO. S/N
HORARIO: 8:00HS.
ENCERRAMENTO: 17:00HS

O que é o Forum Comunitario do selo Unicef Faz?

1 mobiliza e capacita pessoas para incentivar e qualificar sua participação na criação e no fortalecimento das políticas públicas para meninas e meninos de até 17 anos;
2 monitora e avalia o desempenho dos municípios, com base em um conjunto de dados (indicadores sociais);
3 certifica e reconhece os esforços de municípios que conquistam os maiores avanços na melhoria de vida de crianças e adolescentes.

O que são os Forum Comunitarios de Selo?
A realização dos Fóruns Comunitários está prevista no Guia Metodológico do Selo UNICEF Município Aprovado Edição 2009-2012, dentro do Eixo de Participação Social. Os fóruns são momentos em que a comunidade:

1 analisa as condições de vida de suas crianças e adolescentes;
2 sugere ações que garantam os direitos da infância eda adolescência;
3 monitora e avalia o impacto de projetos, programas epolíticas públicas voltadas para meninas e meninos deaté 17 anos.

É o espaço para o diálogo serve para incentivar e qualificar a participação social e para fortalecer o compromisso de diversos atores com a garantia dos direitos de crianças e adolescentes — gestores públicos, técnicos, organizações da sociedade, comunicadores, empresários, adolescentes, jovens, famílias e comunidades.O 1 Fórum Comunitário do Selo UNICEF Município Aprovado Edição2009-2012 deverá ser realizado até 30 de setembro de 2010.
Ele proporcionará o debate sobre a situação de crianças e adolescentes do município, apurada antes pelo CMDCA e a Comissão Municipal Pró-Selo, com a participação de adolescentes.Com base nessa análise, serão apresentadas linhas gerais e propostas para se fazer o Plano Municipal de Ação. O objetivo do plano é assegurar os direitos da infância e da adolescência no município.O 2 Fórum Comunitário, previsto para ocorrer no primeiro semestre de 2012, avaliará a caminhada do município rumo aos objetivos do Selo UNICEF e à concretização dos temas do Eixo de Participação Social.

Como se realiza. Quem participa do Forum Comunitario do Selo?

Essa etapa exige:definição do local onde ocorrerá o evento, organização dos equipamentos necessários e de materiais para as dinâmicas; ampla divulgação do fórum e convite à comunidade, para que ela participe;escolha do facilitador e dos participantes dos Grupos de Trabalho.O CMDCA, o articulador municipal e a Comissão Municipal Pró-Selo precisam planejar todas as atividades necessárias para a realização do encontro, como se sugere a seguir.Promover a mobilização - convidar organizações do setor público e da sociedade, especialmente aquelas dedicadas à defesa dos direitos de crianças e adolescentes, como a Câmara de Vereadores, o Conselho Tutelar e os órgãos de justiça e de segurança.O fórum pode reunir representantes de secretarias municipais e conselhos setoriais (exemplos: Educação, Saúde e Assistência Social), escolas, sindicatos, associações comunitáriagovernamentais, meios de comunicação, clubes de serviços, grupos religiosos, de adolescentes e de jovens.Escolher o facilitador - ele será o mestre de cerimônias, que, com clareza, guiará os participantes nas etapas do trabalho. Essa função poderá ser exercida pelo articulador municipal, pelo presidente ou outro membro do CMDCA ou da Comissão Municipal Pró-Selo.
É fundamental ter capacidade de improvisar, escutar e dar a palavra aos participantes, conhecer a metodologia do Selo UNICEF Município Aprovado e a do 1 Fórum Comunitário, descrita no manual. O facilitador precisará resumir textos e ser claro na comunicação para colocar num documento escrito os resultados dos trabalhos em grupo e dos debates em plenária.Ele guardará a memória do 1 Fórum e participará da elaboração do Plano Municipal de Ação. Em algumas atividades do fórum, ele precisará do apoio de assistentes voluntários escolhidos na hora ou definidos antes do evento.Pensar na equipe de apoio operacional - os técnicos de som, imagem, profissionais de limpeza, alimentação etc. são importantes para garantir a qualidade sonora, a gravação, a organização e os lanches.
Preparar o material impresso - fazer e distribuir os convites, escrever o informativo para os meios de comunicação e aprontar os crachás. Eles indicarão quem participará das discussões sobre Objetivos de Impacto e em qual grupo.Optar por um espaço - estimar o número de participantes para que todos caibam no local confortavelmente (pode ser um clube ou associação, onde se tenha auditório e mais de uma sala para trabalhos).
Selecionar os participantes da discussão dos Objetivos de Impacto Social do Selo - para montar os nove grupos que trabalharão os Objetivos de Impacto é fundamental convidar pessoas e/ou entidades com atividade local reconhecida nas áreas de promoção, garantia e defesa dos direitos da infância e da adolescência, além de jovens lideranças locais.Recomenda-se chamar, por exemplo, um professor de escola pública atuante na comunidade ou um médico da Estratégia Saúde da Família , organizações não governamentais.

Marcilio Reginaldo.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

CRAS realiza II “Encontro Pais e filhos” com mães crianças e jovens.


O Centro de Referência da Assistência Social – CRAS ou Casa das Famílias, como é popularmente conhecido, realiza a cada mês encontro de grupos de convivência formados por integrantes de diversas famílias cujos filhos participam de atividades recreativas e pedagógicas no CRAS.

Nesta terça 21/09 foi realizado o “II encontro pais e filhos” com a participação do Grupo de Mães que acompanham o desenvolvimento dos filhos que estão envolvidos nas atividades do CRAS, acompanhadas pela Assistente Social Fabricia Karen e a Psicopedagoga Suely Veríssimo.

Durante toda a tarde foi realizada uma oficina pedagógica de brinquedos com os participantes, no primeiro momento foi feito uma breve reflexão sobre a importância e a valorização da família alem do respeito mutuo entre pais e filhos,no segundo momento todos se envolveram em uma oficina de brinquedos com garrafas PET, no terceiro momento mães e filhos se envolveram nas brincadeiras com os brinquedos confeccionados.

O grupo que envolve crianças e pré-adolescentes já existe há dois anos e todos os trabalhos realizados acontecem paralelos a assistência dada às mães de cada participante. No encontro o acolhimento das mães e crianças foi feito pela Assistente Social Fabricia Karen e a Psicopedagoga Suely Veríssimo juntamente com o coordenador do CRAS Pedagogo Ismael Simão. O principal objetivo do encontro foi facilitar a interação entre pais e filhos alem de desenvolver as habilidades motoras dos participantes; trabalhar a importância da reciclagem de matérias de fácil acesso doméstico através de uma forma criativa e lúdica.